"Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve." Lewis Carroll - Alice no País das Maravilhas

A NOVA MPB: 10 ARTISTAS QUE VOCÊ PRECISA CONHECER


A MPB é aquele produto que o Brasil gosta de exibir com orgulho por aí. Com nomes como Tom Jobim, Chico Buarque, Caetano Veloso era de se esperar que uma hora ou outra uma nova geração surgisse carregando esse legado, mas também deixando a sua própria marca na música brasileira. A nova MPB, como vem sendo chamada, tem trazido uma onda de artistas que exploram a mistura de ritmos diversos, criando uma MPB mais bonita e original.  

Abaixo, uma lista com uma pequena amostra de artistas que veem transformando a forma dos brasileiros de fazer música. Vale ressaltar, que o que me chama atenção neles é que apesar de cristãos que criam canções que falam da sua fé, eles também buscam quebrar aquela barreira de 'gospel ou secular' que tem separado a música e as pessoas.

1. ADRIEL VINÍCIUS

Adriel é um goiano que está no topo da lista por ser na minha opinião, o melhor entre todos dessa nova MPB que vem tomando conta do nosso cenário musical. Ele lançou seu primeiro álbum solo, "Transcendente Missão" é extremamente criativo nos arranjos das canções e cria uma mistura que dá certo. Além disso suas letras são cheias de críticas ao atual comércio da fé e propõe um resgate dos valores simples e puros do cristianismo, como o amor ao próximo e a esperança na eternidade que caminham lado a lado com a inconformidade presente em Romanos 12.



2. CROMBIE

Bem conhecida pela maioria de vocês, Crombie é de Niterói e possui três álbuns até o momento, o último lançado esse ano, "Crombie ao Vivo no Teatro Municipal de Niterói", possui uma participação especial da cantora Lorena Chaves. Suas canções tem uma mistura de MPB com indie e reggae bem legal de ouvir. 


3. SIMONAMI

Com um nome pra lá de diferente, mas que é só a mistura entre uma palavra francesa e outra espanhola que quer dizer 'sim, meu amigo', a banda curitibana faz um rock que não é rock, é assim que eu gosto de vê-los pois tem influência de muitas coisas, como a MPB. Sabe o que eu disse no início sobre as músicas que falam de Deus, sem ter que necessariamente escancarar a palavra 'Jesus' nas letras? Simonami é a definição disso. Suas letras expressam o evangelho como estilo de vida, onde Deus se manifesta em todos os aspectos dela.



4. DANIEL CALDEIRA

Daniel é de Niterói e lançou seu primeiro álbum chamado 'Azularanja'. Como define o próprio Daniel, esse EP é um grande encontro de cores. As canções que são uma delícia de ouvir, perfeito para o final daquele dia que você só quer deitar, olhar o céu e sonhar. 



5. GUILHERME SCARDINI

Guilherme é um mineiro de Viçosa, que enquanto estuda Arquitetura divide com o mundo suas composições. Recentemente ele lançou o álbum "Varandeiro". O próprio Guilherme explica o título: “A varanda é onde a casa se encontra com o mundo, varandeiro é o homem que vive lá.” Suas letras são poéticas, falam sobre coisas do dia - a - dia, de encontros, de pessoas, de Deus, como na canção 'Eu vim do céu'. Enfim, são lindas de ouvir.



6. MARRAKITÁ

Direto do Planalto Central com influências que vão do jazz à música eletrônica, da poesia aos roteiros de cinema. Assim é o som da banda Marrakitá. formada por Marcos dos Santos (bateria), Carlinhos Alayon (guitarra), Jota Cohen (baixo) e João Pedro Mansur (guitarra e voz), lançaram o primeiro EP chamado "Ao vivo em Casa".



7. VANJOR

Vanjor já é bem conhecido por causa da banda Fruto Sagrado. Do rock ele resolveu se arriscar na MPB, lançando o álbum solo "Bicho Grilo", inteiramente acústico, foi gravado durante uma sessão do projeto Passos por Aí, que reúne cantores e bandas independentes.



8. RAFAEL PORTO

Rafael é de Vitória, ES e mistura MPB com folk e rock em suas composições que sempre trazem como mensagem central, o amor de Deus revelado na cruz.



9. HEBREU 

Hebreu é um cantor e compositor mineiro que mistura pop rock com MPB. Suas letras falam sobre o cotidiano e sobre o existir.



10. FILIPE FLAKES E O SUBVERSO COLETIVO

Filipe é aquela mistura tipicamente brasileira, onde o samba se misturou ao pop rock, ao reggae e tem um toque de tempero nordestino. Natural de Fortaleza, ele é músico, compositor e artista circense. Tem dois álbuns lançados, o "Sala de Estar" (2012) e o "O Que Importa" (2014).

LEIA +

JOVEM COM CÂNCER TERMINAL ARRECADA R$ 20 MILHÕES PARA AJUDAR OUTROS JOVENS COM CÂNCER

Existem pessoas com o coração tão extraordinário que, mesmo perante as maiores dificuldade e provações da vida, conseguem enxergar nisso tudo oportunidades para disseminar o bem.

Stephen Sutton foi diagnosticado com câncer de intestino aos 15 anos, passou por um longo tratamento, superou o câncer, mas, infelizmente, alguns meses depois, o câncer reincidiu, e dessa vez foi mais agressivo. Sem sucesso na quimioterapia, ele acabou se tornando terminal.

Mas, contrariando sua pouca perspectiva de vida, Stephen manteve-se positivo e estava disposto a deixar sua marca no mundo. O rapaz criou a fanpage Stephen’s Story, onde fez uma lista com 46 desejos que gostaria de realizar antes de morrer. Entre eles, o mais importante, segundo Stephen, era levantar dinheiro para instituições que tratam de jovens com câncer, como a Teenage Cancer Trust.

Sua meta original era de 10 mil libras (quase 40 mil reais), mas sua campanha no site de crownfunging social Just Giving acabou engajando milhares de pessoas, entre elas grandes artistas, e no final conseguiu atingir 439% a mais da meta original, com a quantia excepcional de aproximadamente 20 milhões de reais, que foram doados a vários hospitais na Inglaterra e na Escócia e ainda direcionados ao treinamento de enfermeiras e equipes especializadas em atendimento ao câncer.

Stephen fez sua passagem pacífica aos 19 anos, mas com a certeza de que ninguém esquecerá sua grande e nobre contribuição para a vida e a lição que deu a todos nós, de amor ao próximo de forma incondicional. Quando o jovem faleceu, sua mãe postou nas redes sociais:

“Meu coração está explodindo de orgulho, mas rompendo de dor por meu corajoso, altruísta, inspirador filho, que faleceu pacificamente durante o sono nas primeiras horas desta manhã, quarta-feira, dia 14 de maio. O suporte contínuo e efusão de amor por Stephen ajudarão muito neste momento difícil, da mesma forma que ajudou Stephen ao longo de sua jornada. Todos sabemos que ele nunca será esquecido, seu espírito viverá, em tudo o que ele alcançou e compartilhou com muitos. Com amor, sua mãe“.

Abaixo, um vídeo falando sobre a lista de desejos de Stephen:


LEIA +

5 ÁLBUNS PARA OUVIR EM SETEMBRO

Os últimos 30 dias foram cheios de lançamentos e novos itens garimpados por aí. Eu gostaria de ter falado mais detalhadamente sobre cada um, mas a falta de tempo não ajudou muito, então resolvi reunir alguns em um único post para vocês passarem o resto do mês felizes da vida por ter música nova na playlist!

1.

Eles eu conheço há algum tempo, mas semana passada lançaram o novo álbum chamado 'Humming House Party'. Esse novo álbum dá uma ideia geral de quem eles são, é como se a música deles fosse uma grande e animada festa em família. Eles misturam várias coisas em suas composições e tem aquele toque especial de música tradicional irlandesa, o que deixa tudo muito mais bonito. Algumas de suas canções já apareceram na trilha de alguns seriados, como "Justified" e "Hart of Dixie". Quer uma música para animar o seu dia? Escute eles.

Esse vídeo não é do novo álbum, mas a canção é tão boa e o clipe tão legal que tive que colocar



2.

Switchffot dispensa apresentações sobre quem são, mas entra na lista graças ao novo álbum The Edge of the Earth: Unreleased Songs From The Film 'Fading West'. No início do ano, a banda havia lançado o álbum 'Fading West' e quando ninguém mais pensou que eles fariam algo novo, eles surgem com um novo trabalho, uma espécie de 'canções que não couberam no álbum anterior, então fizemos um novo'. Ouvindo ele dá até pra entender o porque dessa separação, as canções são um pouco diferente do que estamos acostumados, a canção 'Skin and Bones' por exemplo, nos leva a um beco mais obscuro da música de Switchfoot, enquanto a canção 'What it Costs' é a mais memorável de todo o projeto.




3. 

Pra quem ouve o álbum anterior do trio e o novo 'Kids These Days', vai notar um crescimento musical aí. Há uma variedade de mistura instrumental, em canções que falam sobre amor, medo e alegria e todos os espaços que se encontram entre eles. As músicas deste álbum são sobre o passado e o futuro, aventura e família, confusão e esperança - uma coleção de histórias sobre ser jovem, sobre encontrar o seu caminho, enquanto descobre a si mesmo .

4.

Nashville parece o lugar onde a música acontece, sim esse é o terceiro da lista que vem desse pedaço dos EUA. Mas diferente dos seus antecessores, as músicas de Brady soam muito mais como hinos de adoração com o piano sempre ao fundo do que qualquer outra coisa. É claro que as inspirações em Jon Foreman e Johnny Cash, e a combinação de elementos do folk, rock 'n roll, e gospel estão sempre lá, mas esse é pra você ouvir e ficar só entre você e Deus. 



5.

Sempre me diziam que não se deve julgar um livro pela capa, mas música pode né? O último item da lista foi mais ou menos assim que eu conheci. Essa capa linda aí é do álbum "Heirloom", o primeiro gravado pelo casal Zach e Sarah Strout. O álbum completo para download só vai estar disponível a partir da semana que vem (23), mas o primeiro single 'The Unveiled Christ' demonstra um amor pela simplicidade musical que se encontra em todas as suas canções. 


Gostaram?  Então aproveitem e se preparem, que o mês que vem também promete algumas novidades vindo por aí.
LEIA +

FÉ, ESPERANÇA E AMOR: CONHEÇA A HOFFEN FOTOGRAFIA

Eu nunca tive tanto prazer em falar do trabalho de alguém, quanto estou tento em falar da Hoffen Fotografia. Antes que pensem alguma coisa, esse não é um post promocional de mais uma marca, não. Esse é um post sobre como Deus pode nos surpreender e tornar os nossos sonhos algo maior e melhor do que esperamos e de como com apenas um click é possível distribuir doses de amor por aí.

Bem, Hoffen significa 'esperar', 'ter esperança' em alemão (chique né?), não vejo nome mais adequado que esse. Quem sonha sabe o quanto é difícil esperar, mas pra quem sonha em Deus sabe que não importa o tempo, a esperança nunca é frustrada, afinal a esperança não está em qualquer lugar, está no lugar certo. Esse estúdio fotográfico eu conheço desde que ele era só um sonho na cabeça da minha amiga Luana Voloch, que sempre me dizia que a paixão dela era fotografia e que um dia ela queria poder levar isso a sério. Como todo começo, ele não é fácil, mas Deus está nos detalhes e sabe que sozinho não chegamos a lugar algum...

Essa é a Luana

"A Luana (minha namorada) sempre foi apaixonada por fotografia, antes de namorarmos isso já era paixão pra ela. Com muito custo ela comprou a primeira câmera e começou a fazer alguns aniversários de crianças, mas sozinha, com os equipamentos muito caros ela desanimou. Eu sempre apoiei, incentivei e gostava também, mas nunca tinha visto como profissão pra mim. Sempre amei tudo que envolvia artes, mas nunca tinha pensado na fotografia. Sabe aquele pensamento louco que vem do “nada” e você pensa que é coisa da sua cabeça? Então... foi assim mesmo que tudo surgiu bem aqui na minha cabeça. Quando fazemos algo que não gostamos nosso corpo, mente, alma parece não prestar atenção e no meio de uma aula de contabilidade (sim, eu cursava contabilidade!! haha) o Espirito Santo soprou em meus ouvidos e eu fui sensível a sua voz, mesmo que eu duvidasse no início e pensasse realmente que era loucura eu tive certeza que ali nascia algo, nascia um sonho."

Esse é o Pedro, a outra metade dessa história. A metade que faltava.
Esse casal são a prova de que quando nós cuidamos das coisas de Deus, Ele cuida das nossas. 


"Então eu liguei pra Luana e disse a ela o que eu estava pensando. Primeiro ela achou que era brincadeira, mas viu que eu estava falando sério e ficou muito empolgada. Como eu já estava querendo parar a faculdade, nós decidimos que a resposta viria do meu pai, que ele seria boca de Deus pra nos confirmar tudo, pra termos certeza que era a voz Dele que havia falado comigo. Oramos durante alguns dias, eu fiquei nervoso, passei mal, mas isso é normal kkkkk, até que chegou o momento. Falei com meu pai. Incrível, quando as coisas são promovidas por Deus tudo, exatamente tudo, coopera, e não foi diferente comigo. Meu pai, pra minha surpresa, me apoiou totalmente e mais, disse que já não era pra eu ir pra faculdade no mesmo dia. Pronto!! Projeto iniciado. Abrimos as portas para o novo de Deus na nossa vida, demos um passo de fé no desconhecido, mas seguramos bem forte nas mãos do Pai e Ele nos guiou."

Foi assim que eles abriram o estúdio e começaram a trabalhar. As fotografias são quase sempre de noivas, crianças fofas e casais apaixonados. O que amo no trabalho deles é que eles tem o talento de descobrir o momento certo para cada clique, eles conseguem registrar de forma muito especial cada momento. 









Eu gosto muito do uso que eles fazem da luz natural nas fotos, que cria efeitos incríveis deixando as fotos poéticas. 






Tem também as fotos de contraluz, que é quando o objeto fotografado é colocado entre a câmera e a fonte de luz, isso faz com que o fundo fique mais claro e produz perfeitas imagens de silhuetas, essas também são as que mais gosto. 






Dizem que o segredo do sucesso é mais trabalho que inspiração, em uma dose de 90% de um e 10% do outro. Há uma certa verdade nisso sim, Deus não fará a parte que cabe a cada um de nós. No desafio de ter o seu próprio negócio você encontrará muitas coisas pelo caminho, mas se você tem esse desejo, pegue a Hoffen Fotografia como exemplo e coloque seus planos diante de Deus. 

"Faz pouco tempo que estamos com nosso próprio escritório e já passamos por tudo aqui... medo, alegria, tristeza, confiança, angustia, mas em todo tempo, em todas as situações a esperança nos firmou na certeza de que aquele que começou a boa obra é fiel para cumprir e que Ele nos sustenta em todo o tempo. Por isso estamos de pé com nossos sonhos mais vivos do que nunca, sonhos tão grandes, tão maiores do que nós, mas tão pequenos perto do nosso Deus. Não tenho um fim pra escrever aqui, porque estamos no comecinho e a cada dia escrevemos um novo capítulo dessa nossa história, mas posso dizer que tudo, exatamente tudo aqui é por causa Dele, por Ele e para Ele!" 



Contato: hoffenfotografia@outlook.com
Tel: (43) 3152-4829 
(43) 9963-1707 / (43) 9624-3074
Instagram: @hoffenfotografia

LEIA +

CINE VITROLA: Soundtrack 'De Repente 30'

Eu levei muito tempo para escrever esse post, porque toda vez que eu parava para escrever eu estava assistindo esse filme, então eu me esquecia do que estava fazendo assim que Matt aparecia na minha frente, então a culpa não é minha ou das estrelas, mas do Mark Rufallo, okay?

Quem acompanha o blog há algum tempo, já sabe que De Repente 30 é um dos meus filmes favoritos, não é segredo pra ninguém que eu já vi ele tantas vezes, que cheguei ao nível de dispensar a legenda e assistir em inglês mesmo, porque tanto faz, eu já sabia todas as falas mesmo. Eu estou tão feliz de escrever esse post, porque eu finalmente posso usar minha coleção de gifs e imagens do filme! 

A primeira vez que vi esse filme, eu tinha 13 anos e também sonhava com a idade do sucesso, não os mesmos 30 anos que Jenna sonhava, mas sonhava. Apesar de não ser o tipo de garota que a única preocupação era ser a garota mais popular da escola e ficar lendo a Revista Poise o dia todo, eu gostava da Jenna, nós seríamos boas amigas. 

Daí tem o Matt, ah o Matt...se Jenna soubesse aos 13 anos que ele viraria o Mark Rufallo, duvido que ela dispensava o gordinho pra ir atrás do babaca loiro do Christopher Grandy! Matt é o tipo bom moço, fotógrado, inteligente e divertido que toda mãe e filha pediu pra Deus, não tem como não se apaixonar por ele!


Além do enredo do filme, tem aquele pano de fundo lindo chamado anos 80. Essa sempre foi a minha década da minha vida, mesmo nunca ter vivido ela de verdade. Okay que a moda era extravagante, com aqueles cabelos super volumosos, cores chamativas de todos os lados e tudo o mais, mas vamos combinar que a trilha sonora era muito boa! As músicas são parte muito importante no filme, dando o tom certo para cada cena e ajudando a construir a história.

Quem nunca se viu na cena da festa do pijama com as amigas enquanto tocava 'Love is a battlefield'?


Até hoje eu tento aprender a dançar 'Thriller' sem sucesso!


Filme dos anos 80 sem Madonna não existe, e Jenna é uma grande fã dela, então tem 'Crazy for You'. O ápice do filme pra mim em se tratando de música, é nas cenas de quando Jenna caindo em si, como boa filha pródiga que é, volta para a casa dos pais ao som da canção 'Vienna', nessa hora eu já tenho uma caixa de lenços ao meu lado prontinho para usar.

A trilha sonora possui 13 canções principais (dã!) bem legais para te fazer se sentir nos anos 80 de verdade.

A única crítica que tenho a fazer ao filme é o fato de nos fazer sentir vontade de comer Razzles, sem antes se certificarem de que ele são vendidos no Brasil (SIM, ELES EXISTEM!!!), fora isso esse é um filme para se divertir, se apaixonar e te lembrar das coisas que realmente importam nessa vida. 


LEIA +

10 COISAS COM 20 ANOS QUE VOCÊ NEM VAI ACREDITAR

1994: O ano mais importante para a cultura pop, bem pelo menos é o que dizem. Muita coisa aconteceu naquele ano é verdade. Foi o ano da conquista do Tetra do Brasil na Copa do Mundo, Kurt Cobain, Tom Jobim e Airton Sena morreram e também Nelson Mandela se tornou o primeiro presidente negro da África do Sul. Além disso, 1994 foi ano dos filmes que marcaram a minha infância e tantas outras coisas.  Assistir muitos desses filmes ou rever essas coisas hoje, faz com que eu me sinta velha, muito velha, mas também junto com isso vem aquele sentimento nostálgico, que me faz lembrar quantas coisas eram legais há vinte anos. É claro, que algumas delas eu só vivi um pouco mais tarde do seu surgimento (afinal, eu só tinha três anos em 1994), mas não mudou o efeito.

Então eu vou dar uma forcinha e te ajudar a lembrar também, depois no final me digam se não foi bom relembrar. Ah, já vou avisando que eu fui uma criança que passou muito tempo na frente da TV, tanto que eu nem sabia direito o que era brincar, então não estranhem tantos filmes e programas nessa lista ok?

1-Os Batutinhas
A eterna rivalidade entre garotos e garotas é o centro do filme, ou seria se o apaixonado Alfafa não ousasse cruzar os limites para conquistar sua amada Darla, pra isso vale até se vestir de mulher! Outra coisa, todo mundo já quis ser amigo do Batatinha, porque ele é o cara mais legal para se ter como melhor amigo, porque quem mais iria se vestir de bailarina pra te ajudar a conquistar uma garota?

Para comemorar os 20 anos do seu lançamento, o elenco do filme Os Batutinhas se reuniram para recriar cenas do filme, que ficaram inacreditáveis!! Não consigo acreditar que se passaram 20 anos! Saudades das tardes em frente à tv...



2- O Rei Leão

Sim, foi em 1994 que lançaram esse clássico da Disney. É só ouvir o toque da música que everybody começa a cantar a música toda, não tem nenhuma pessoa que nasceu nos anos 90 que não saiba ela, não é mesmo? 
Embora esse filme tenha marcado a nossa infância, sejamos sinceros, a morte do Mufasa, foi cruel, cruel demais para que crianças assistissem. Mas, foi O Rei Leão que me ensinou que nem só de flores é feita a vida, mas que apesar das dificuldades, você sempre pode escolher Hakuna Matata, porque é lindo dizer!



3- PlayStation 

Essa os meninos com certeza irão se lembrar! Quem diria que ele já tem vinte anos hein? O PlayStation foi mais um daqueles video-game que eu não tive, mas nem por isso eu não joguei (glória a Deus pelos primos e amigos que emprestavam). 

4- Friends

Esse é um dos seriados que só acabei pegando pra assistir só esse ano por insistência de uma amiga, mesmo conhecendo o resumo da história e o sucesso e tal. O que aconteceu? VICIEI! VICIEI TOTAL! Friends é simplesmente o melhor seriado do mundo e eu me pergunto todos os dias porque fui tão idiota e não vi antes.


Joey é o meu favorito, por que apesar dele não ter o Q.I mais elevado do grupo, é o mais fofo, é um amorzinho como minha amiga diria. Depois vem o Chandler, que sem as suas piadas e seus comentários sarcásticos, o seriado não seria o mesmo.

Friends é tão legal que nem parece que tem completou seu vigésimo aniversário esse ano e pra quem assim como eu gosta de ver coisas velhas, os figurinos te levam a viajar no tempo, vale a pena assistir! 


5- Spice Girls

"I wanna really really really wanna zig-a-zig, ah" estão lembradas meninas? Com certeza todas nós dávamos um nó na língua antes de conseguir cantar isso certo, mas era legal assim mesmo. A canção 'Wannabe' foi o primeiro sucesso do grupo que o tornou Emma, Melanie B, Melanie C, Geri e a então futura Srª Beckham, Victoria, conhecidas mundialmente em 1996, mas o grupo foi formado em 1994 com o nome Touch, antes de ser definitivamente batizado de Spice Girls dois anos depois.

6- Forrest Gump

O contador de histórias, com quem você não sabe exatamente quando começa ou termina a fantasia, ganhou sua versão para os cinemas em 1994. Com certeza a carreira de Tom Hanks não seria a mesma sem ele no currículo.  Eu fui ler o livro que deu origem ao filme, muitos anos depois, eu particularmente gosto mais do livro que do filme, mas nem por isso o ele deixa a desejar. 


7- Castelo Rá-Tim-Bum

Essa é a história de Nino, um garoto de 300 anos que vive com seu tio Dr. Victor, que é feiticeiro e cientista, e sua tia-avó Morgana em um castelo fantástico no meio da cidade de São Paulo. Eu já quis morar nesse castelo, você já quis morar nesse castelo, TODO MUNDO já quis morar nesse castelo! 
As canções do programa eram bem legais, a minha favorita era do ratinho tomando banho, era fofo demais!
O programa foi tão importante para a maioria de nós e tão marcante na história da tv brasileira, que até hoje é exibido pela TV Cultura. Em comemoração aos vintes anos, ele ganhou uma exposição no Museu da Imagem e do Som em São Paulo, que fica aberta até dia 16 de novembro! (Clique aqui para comprar os ingressos)


8- Lassie

Eu chorava vendo Lessie, besta né? Mas é verdade, essa é a história mais linda que os anos 90 viu sobre um garoto e seu cão. Uma pena que nunca mais vi passando na tv.


9- Calças Flare 

Naquela época elas não tinham esse nome bonitinho, era calça boca-de-sino mesmo. Hoje em dia nós sabemos que pessoas baixinhas como eu é arriscado usar uma dessas, mas na época ninguém ligava muito para regras de moda sobre o tipo físico, a gente usava porque todo mundo usava! E francamente, só agora percebo o quanto elas eram estranhas e o quanto continuam sendo vinte anos depois, mas gosto é gosto, e ninguém discute sobre isso aqui.


10 - Power Rangers

É hora de morfar! Em 1994, Power Rangers estreava no Brasil, com cinco adolescentes da Alameda dos Anjos que dividiam o tempo entre estudar e defender o mundo da perversa Hilda. Hoje os efeitos parecem toscos se comparados com filmes como Transformes, mas quando se é criança em 1994 essa era a coisa mais fantástica do mundo! Mais legal que isso, só brincar fingindo ser eles com seus amigos e brigar para ver quem ia ser o Ranger Vermelho. 


Bem, 1994 é cheio de coisas legais, mas não vou colocar todas aqui, se não levariam mais vinte anos, então eu vou deixar que cada um de vocês peguem alguns itens emprestado, adicione outros e criem suas próprias listas e me enviem depois. Então, o que faltou aqui? 
LEIA +